Bem Vindo  Siga-nos

Image Alt

Blog

  /  

Nesta segunda feira (23) o Ministério da Saúde antecipou a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, de forma a diminuir a quantidade de pessoas com gripe nesse inverno. Além disso, o órgão quer facilitar o diagnóstico do coronavírus (COVID-19) pelos profissionais de saúde, já que as doenças abrangidas pela imunização seriam descartadas após receber a dose da vacinaA dúvida que sempre vem à mente neste momento é: devo me vacinar? A vacina

Sabemos todos que a esclerose múltipla (EM) é uma doença que afeta a mielina que envolve os neurônios, por isso, denominada de “desmielinizante”. Sabemos que por ter intensa atividade de células imunitárias é considerada “inflamatória”. E por existir perda de neurônios com o passar do tempo, é considerada também “degenerativa”. A evolução de uma pessoa para outra pode ser bastante diferente e imprevisível. Ou seja, cada paciente apresenta uma característica muito própria.Na maioria dos pacientes a EM

O “novo coronavírus”, ou SARS-CoV-2, foi recentemente denominado pela Organização Mundial de Saúde como causador da COVID-19, uma doença respiratória que não tinha sido até então vista em humanos. Ele foi detectado pela primeira vez na China em dezembro de 2019 e desde então se espalhou para outras partes do mundo. Como o número de casos no Brasil vem aumentando dia a dia, vamos entender sua importância para pessoas com esclerose múltipla (EM).

Nenhuma Evidência de Doença Ativa, ou apenas "NEDA", também chamada de ausência de atividade da doença, é um novo conceito que está surgindo no tratamento da esclerose múltipla.O que todos queremos no tratamento da esclerose múltipla, especialmente na sua forma mais comum, a remitente recorrente (EMRR), é que consigamos com todas as medidas empregadas e ainda com o medicamento escolhido atingir um ponto em que não tenhamos mais nenhuma das três

Desde 2006 celebramos, em 30 de agosto, o Dia Nacional de Conscientização sobre a Esclerose Múltipla, criado para dar mais visibilidade à doença e às necessidades de seus portadores. O dia foi escolhido em homenagem à Ana Maria Levy, fundadora da Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM), nascida nessa data. Estima-se que, atualmente, cerca de 40 mil brasileiros convivam com a Esclerose Múltipla. Entenda a doença e saiba quais são os sintomas a

Neste ano de 2019 a campanha do Dia Mundial da EM (World MS Day) que ocorre em 30 de Maio irá trabalhar um tema muito importante da doença, que é a conscientização dos sintomas "invisíveis" da esclerose múltipla, recebendo o nome em inglês de "My Invisible MS" (#MyInvisibleMS) e pode ser acessado aqui.A ideia é aumentar a conscientização sobre estes sintomas da esclerose múltipla e o impacto da doença na qualidade de vida. Diversas ações estão